SIGA-NOS:

BAHIA

Rua Min.ACM - lt 12 Qd. C - Buraquinho
Lauro de Freitas, BA 42700-400
Cel: 71-99176-2732
Fax: 71-3369-4882
Email: contatoctar@gmail.com

  • s-facebook
  • Twitter Metallic

COMO CHEGAR

ACESSO POR CORDA

O que é o Acesso por Corda?

 

É um método seguro de trabalho em altura, onde cordas e equipamentos associados são usados ​​para alcançar locais de difícil acesso para trabalho, além de ser uma atividade altamente especializada e com grau de risco alto, sendo assim, exigi-se profissionais qualificados e muito bem treinados para que possam oferecer um serviço de qualidade tendo como premissa básica a segurança, dando condições de exercer plenamente suas tarefas.

O Centro de Treinamento de Acesso por Corda e Resgate - CTAR, é um dos mais modernos centros de treinamentos do Brasil, certificado pela ANEAC - ASSOCIAÇÃO NACIONAL DAS EMPRESAS DE ACESSO POR CORDA para realização de Treinamentos e Exames de Certificação, tendo sido o primeiro do Brasil a realizar exames de acesso por corda conforme NBR-15475.

Nos atendemos a todas as normas conforme descritas abaixo:

NBR 15.475

Norma técnica de qualificação e certificação dos profissionais que atuam em atividades em ambientes elevados em que o acesso só seja possível por cordas.

NBR 15.595

Refere-se à análise de risco e avalia o trabalho a ser realizado pelo profissional, identificando e considerando todos os riscos existentes para a execução do trabalho.

NBR 15.986

Refere-se à especificação dos requisitos mínimos para fabricação de cordas têxteis de alma e capa trançada. São de baixo coeficiente de alongamento e têm de 8,5 mm a 16 mm de diâmetro. Muito utilizadas por pessoas em operações de Acesso por Corda, assim como em todo tipo de posicionamento e retenção no ponto de trabalho. São bastante usadas em operações de resgate e em treinos específicos para verificação destes requisitos.Dentre as normas da ABNT/CEET cujos membros da ANEAC participaram da elaboração estão à norma NBR 15475 Acesso por corda - Qualificação e certificação de pessoas que estabelece uma sistemática para a qualificação e certificação de profissionais de acesso por corda, publicada em 2007 e NBR15595 Acesso por Corda - Procedimento para Aplicação do Método, que visa definir os procedimentos práticos. Trata-se de recomendações e orientações no uso do código de prática dos métodos de acesso por corda, para profissionais, empregadores e todas as pessoas comprometidas com a atividade.

 

O Anexo I da NR-35 tem como objetivos criar as bases para a aplicação das normas técnicas, recepcionando seus requisitos e estabelecer uma interface entre os requisitos gerais da Norma Regulamentadora e as NBR. Os dispositivos presentes no Anexo não excluem a aplicação dos requisitos da NR-35. No conflito entre os dispositivos do Anexo e da NR-35, prevalece o disposto no Anexo para a atividade de Acesso por Corda.  

 

Profissional com qualificação básica, que possui habilidades para trabalhar com segurança dentro de uma variedade de sistemas empregados em acesso por corda, sob a supervisão de um nível 2 ou nível 3. O nível 1 deve ser capaz de realizar uma quantidade limitada de tarefas utilizando o acesso por corda exigido pelo seu empregador. Profissional com qualificação básica, que possui habilidades para trabalhar com segurança dentro de uma variedade de sistemas empregados em acesso por corda, sob a supervisão de um nível 2 ou nível 3. O nível 1 deve ser capaz de realizar uma quantidade limitada de tarefas utilizando o acesso por corda exigido pelo seu empregador.

Profissional com qualificação intermediária, que além das habilidades do nível 1, deve possuir habilidades necessárias para planejar e supervisionar somente trabalhos verticais simples de acesso por corda em ambientes urbanos, e trabalhos complexos sob a supervisão remota ou direta de um profissional nível.

O candidato certificado para o nível 2 deve ser capaz de realizar montagens de sistemas de acesso e executar resgates em trabalhos verticais simples. Em trabalhos complexos, somente sob supervisão de um profissional nível 3. Deve possuir treinamento de primeiros socorros, conhecimento de legislação, requisitos de segurança e procedimentos relativos ao acesso por corda.

Para certificação nível 3, o candidato deve ser capaz de assumir total responsabilidade por projetos de acesso por corda. 

Deve:

a) ser capaz de assumir responsabilidade por planejamento e execução de trabalhos de acesso por corda;

b) possuir experiência em técnicas de trabalho por acesso por corda e conhecimentos sobre análise

de risco e legislação;

c) possuir domínio de técnicas de resgate por acesso por corda inerente à atividade;

d) possuir treinamento de primeiros socorros.